domingo, 16 de outubro de 2016

CVV - a linha da vida

O Centro de Valorização da Vida (CVV) foi criado em São Paulo no ano de 1962, em decorrência do número de suicídios; é reconhecido como Entidade de Utilidade Pública Federal desde 1973. O serviço visa a prevenção do suicídio e apoio emocional com atendimento pessoal e telefônico 24 horas por dia, todos os dias do ano, a todos que sentem angústia, solidão ou desespero; esse atendimento é gratuito e sigiloso.


Todos os integrantes do CVV são voluntários(as) treinados(as) em escuta qualificada que estabelece uma relação de ajuda com quem o procura num clima de compreensão, respeito e aceitação. Atualmente o CVV com vários postos em diferentes lugares do Brasil, com mais de 2.500 voluntários.

Para obter auxílio ligue 141 e para informações acesse www.cvv.org.br


7 comentários:

✿ chica disse...

Acho tri importante esse trabalho Tetê! Estamos aproveitando bem, muiiiiito! Obrigadãop pelo carinho! bjs praianos,chica

Jack Lins disse...

Boa noite Tetê,
Muito interessante esse trabalho. Achava que era algo recente, mas não, foi bom saber que ajuda as pessoas há um certo tempo.
Grande beijo

Bell disse...

Tetê querida

Importante é lembrar sempre que a ajuda é bem vinda e faz a diferença.
Por vezes tudo que as pessoas querem é alguém que possam ouvi-las.


bjokas =)

Mirtes Stolze. disse...

Bom dia Tetê.
Que interessante, lindo a sua atitude de divulgar, um lindo gesto amiga, que pode salvar uma vida. No desespero muitas pessoa precisam ver que não estão sozinha[o] Uma linda semana. Enorme abraço.

Anete disse...

Muito importante o trabalho! De grande ajuda!!
Ouvir, compreender, respeitar, aceitar e dar "ferramentas" p o dia a dia...
Um bj e uma semana c muita paz e saúde...

Zizi Santos disse...

Um auxílio valiosíssimo !
tenho uma amiga voluntária
seriamente muito envolvida, pronta a ajudar
no centro do RJ.

bj = feliz semana

Poções de Arte disse...

Não sabia da existência desse belo serviço.
Gostei de saber e vou até passar a informação adiante, pois acredito que muitos não saibam.
Abraços e feliz semana.