sábado, 28 de setembro de 2013

Sol, churrasco e consumo consciente

Ontem acabei não indo na ExpoAraruama. O vento estava muito frio e o Parque de Exposições é num local mais alto e aberto, eu imaginei como estaria lá. Meu sobrinho e a esposa foram e... não perdi nada! Estava muito cheio, foi difícil estacionar o carro e eles não viram/ouviram nada do show... só tinha telão próximo ao palco e o som estava péssimo! Só viu e ouviu quem estava próximo ao palco!

Sabadão de sol! Só não está calor por que o vento continua nos abençoando! Um dia lindo para receber mais um morador para a redondeza... Mais um que foge da capital para fixar residência no local de veraneio! Sônia já queria fazê-lo há um bom tempo, mas Sr. Eloi resistia... Nos últimos meses eles até já chegavam na quinta e voltavam para o Rio nas segundas à tarde e agora ele resolveu ficar! Fizeram, melhor, estão fazendo uma bela festa. Churrasco com música ao vivo... um grupo amador que só canta MPB, uma delícia! Aqui de casa eu estou ouvindo... tô só no embalo!

De manhã fomos ao Mercado Municipal comprar peixe e peças para o fogão. Se arrependimento matasse, eu estaria morta! Eu tinha um fogão Atlas (quando eu comprei minha mãe criticou tanto que eu tinha comprado um fogão descartável... ) ele deu conta do serviço por 9 anos. Estava com o inox arranhado e pontos de ferrugem mas funcionava maravilhosamente bem. Em setembro do ano passado Mô me convenceu de trocá-lo. Compramos um Dako (esse sim é muito bom!, disse minha mãe) que em março já precisei chamar um técnico para consertar o forno. Começou a aparecer um pózinho quando eu levanto os queimadores e, sabe o que é? Ferrugem! O maravilhoso fogão fez 1 ano e já está todo podre! Que saudades que sinto do meu Atlas! Eu devia ter reformado ele, sabia?  


Como é a sua relação com o consumo de bens materiais? Você é dos gosta de comprar objetos/moveis/celular da moda e logo está trocando tudo? Você sabia que seu consumo tem relação com as mudanças climáticas?
A fabricação de qualquer produto envolve extração e processamento de matéria-prima, uso de água e de energia na sua produção, além do gasto de combustível no transporte até as lojas. Todos esses processos causam a emissão de gases de efeito estufa. Repensar seu consumo antes de comprar um produto novo pode ajudar a diminuir os impactos negativos desse processo. 
Será que não dá para reaproveitar, usar por mais tempo ou tentar consertar o que está quebrado? __Instituto Akatu




6 comentários:

Clau disse...

Boa tarde Tetê :)
Aqui no interior de SP (Sorocaba), muito vento e frio!
Só no embalo da MPB então?!Que legal!
Quanto ao consumo consciente,eu percebo que a maioria das pessoas nem se importam com isso,não se dão conta.E consumir de forma responsável,deveria ser um lema de todos nós.
Admiro o trabalho do instituto Akatu,e eles tem um slogan que gosto muito:
'Consuma sem consumir o mundo em que você vive'.
Bjs!

✿ chica disse...

Aqui onde estou lindo dia, maravilha! E tenho notado que os aparelhos mais novos duram muito menos do que os antigos... beijos, lindo domingo!chica

Que bom que não perdeste nada na festa, cheia de aglomeração.
Lindo domingo1

selene ramos disse...

Amiga o frio aqui em marica resolveu que não quer ir embora! Mas o pior é mesmo ovento que faz morada aqui.rsrsrsrHoje está chovendo e frio,mas mesmo assim com costelinha quebrada mesmo vou dar uma saidinha para ir a um churrasco rsrsr tomei remédio e a dor da para suportar. Minha estrela brilhante vim te agradecer a visitinha e o amado comentario que deixou. Fico muito feliz quando alguem gosta,pois nos estimula a fazer sempre o melhor.Adorei esse seu nova cantinho,bom e lindo como todos que você tem e ja teve. Feliz domingo amiga querida! deus te abençoe sempre e abençoe também a nossa linda amizade.

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Querida Tetê
Passei para desejar uma linda e colorida semana
Um beijinho carinhoso de
Verena e Bichinhos

Luma Rosa disse...

Oi, Tetê!
Domingo a ventania deu trégua e pude sair de casa para uma caminhada pela orla. A cidade estava tranquila, porque o vento e o tempo ruim da semana que passou, afugentou os turistas.
As minhas coisas duram muito tempo. Dificilmente estragam antes do tempo. Atualmente tudo o que compramos, mesmo que de marca boa e gastando uma dinheirama, tem vindo em péssima qualidade. Hoje mesmo senti saudades do meu antigo liquidificador! Quanto ao fogão, o último que comprei foi uma verdadeira decepção. O forno auto-limpante é auto-gastante! Não sei se foi culpa da maresia, mas está saindo uma fuligem preta dele. Tenho que trocar em breve, pois estou notando que por debaixo da pintura tem despontado sinais de ferrugens e ele é um brastemp! Um blogueira "master in the kitchen" :) me indicou um eletrolux. Vamos trocar figurinhas? Estou precisando de boas indicações!
Boa semana!!
Beijus,

Lucinha disse...

Tetê,

Aqui continua frio. Venta desde que cheguei, e já teve dois temporais. Espero ansiosamente por dias mais morninhos. Rs
Eu acho que devemos reaproveitar tudo. Muitos objetos não valem a pena consertar, mas na maioria, é a melhor solução. Há anos atrás, eu ganhei uma máquina de lavar roupa da Brastemp, daquelas antigas. Mandei consertar, e comigo ela ficou por muitos anos. A pessoa que me deu, comprou uma nova, e se arrependeu pelo mesmo motivo que você.
Me dá tristeza ver tanto consumismo sem necessidade. Eu só compro o essencial. Aquilo que realmente eu preciso.
Amei esse post!
Uma linda semana! Beijos